Bienal | Triptyque em Veneza

Nominação da Triptyque na Bienal de Veneza – No quadro da Bienal de Veneza, que acontece até 23 de novembro de 2014, a agência de arquitetura franco-brasileira, Triptyque, tem o imenso prazer de ter sido selecionada “entre as maiores agências internacionais de arquitetura fora do Star System”
Bienal

Nominação da Triptyque na Bienal de Veneza

Esta seleção da Bienal está sob a iniciativa da AIAC (Associação Italiana de Arquitetura e da Crítica) e do site de informação PresS/Ttinternacional. Ela deseja dar mérito as agências não convencionais que revolucionam a arquitetura pelo seus projetos.

Em paralelo do evento Off, Triptyque participará de um encontro no Palazzo Widmann com a rede internacional das agências de arquitetura inovadora. Triptyque estará em meio de personalidades famosas da arquitetura, como: Peter Cook, Patrick Schumacher, Hans Ibelings, Bill Menking, Nanne de Ru, Aaron Betsky, Lola Sheppard, Indira van’t Klooster, Odile Decq, Hani Rashid entre outros.

Desde o ano 2000, Triptyque Architecture explora as ferramentas que podem servir à construção contemporânea e sustentável e participa da evolução dos espaços urbanos. Hoje sediada em São Paulo e Paris, a agência criada por Grégory Bousquet, Carolina Bueno, Guillaume Sibaud e Olivier Raffaelli completa 12 anos de criação com tendência experimental.

Inicialmente baseada em São Paulo, a agência enfrentou uma paisagem urbana em total desenvolvimento, um perfeito estímulo à criatividade. Dessa eletricidade, a Triptyque tirou inspiração para a realização de projetos como Harmonia_57, Fidalga_727 e Colombia_325. Em 2008, a agência iniciou o seu trabalho na França; neste ano,  recebeu o prêmio dos Nouveaux Albums des Jeunes Architectes do Ministério Francês da Cultura (NAJA 2008). A partir daí, a agência exportou seu expertise para Courbevoie para Osny, que receberá o projeto de uma mediateca em 2014. Reconhecida por sua obra contemporânea e experiências na construção sustentável a Triptyque foi convidada a realizar instalações e performances apresentadas na Bienal de Hong Kong/Shenzen em 2009, no museu Guggenheim de Nova York, no London Festival of Architecture e no Victoria&Albert Museum, em Londres, em 2010.

Em 2014, a Triptyque, mais que nunca, exerce a sua arquitetura nos dois continentes traduzindo suas inspirações e as suas experiências, de um país para o outro.

No Brasil: Pavilhão no Instituto de Arte Contemporânea de Inhotim (Minas Gerais – em desenvolvimento) / Casa das Artes (São Paulo – estudo em andamento) / Casa de shows (São Paulo – em obras) / Prédios residenciais e comerciais Delfina, Harmonia, Groenlândia (São Paulo – estudo em andamento) / Prédio comercial Rio Branco (Rio de Janeiro – estudo em andamento).
Na França: Midiateca (Osny – em obras) / Prédio residencial (Ris-Orangis – estudo em andamento) / Edifício misto (Paris Rive Gauche – concurso).

Sócios –  Grégory BOUSQUET – Architecte DPLG, École d’architecture Paris-La Seine (1998), DEA de Philosophie, Paris-La Sorbonne (1999), DEA de Théorie et projet en architecture, Paris-Villemin (1999) / Carolina BUENO – Architecte DPLG, École d’architecture Paris-La Seine (1999), Certificat de paysagisme, Institut Brésilien de paysagisme (2005) / Olivier RAFFAELLI – Architecte DPLG, École d’architecture Paris-La Seine (1998), DEA d’urbanisme, Institut d’urbanisme de Paris (1999) / Guillaume SIBAUD – Architecte DPLG, École d’architecture Paris-La Seine (1998), DEA d’urbanisme, Institut d’urbanisme de Paris (1999) | webTriptyque

There are no comments on this post.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: